De acordo com o atual panorama da situação de Covid-19 e tendo em conta as recentes alterações dos documentos orientadores, há necessidade de aferir procedimentos:

- Quando surge um caso positivo Covid na comunidade escolar, aluno/profissional, dever-se-á proceder à identificação dos contactos de alto risco para colocá-los em isolamento profilático e inseri-los na grelha de contactos que deverá ser remetida devidamente preenchida.

- Para efeitos do rastreio de contactos, o período de transmissibilidade estende-se desde 48 horas antes da data de início de sintomas do caso de COVD-19 sintomático ou da data da colheita do produto biológico do teste laboratorial do caso de COVID-19 assintomático até ao dia em que é estabelecida a cura do caso, definida nos termos da Normas 004/2020 e 015/2020 da DGS.

Critérios para avaliação dos contactos de alto risco:

Creche/Pré-escolar/1º ciclo - Tendo em conta as características destes grupos com a não utilização de máscaras a difícil distanciamento social, serão considerados contactos de alto risco todas as crianças que, no último dia de presença do caso positivo, estiveram presentes em sala de aula.

Os profissionais em contacto com os grupos serão avaliados caso a caso.

2º ciclo/3º ciclo/Secundário - Os contactos de alto risco serão identificados de acordo com a utilização de máscara, o distanciamento social, o plano da sala de aula (lugares ocupados pelos alunos de forma fixa) e partilha de momentos de refeição.

Os casos de alunos/profissionais considerados contactos de alto risco de pessoas infetadas externas ao meio escolar deverão ser igualmente comunicadas utilizando a grelha de contactos devidamente preenchida.

Norma DGS 004-2020 de 14-10-2020

Norma DGS 015-2020 de 04-07-2020